Corredores disputam “pace” do coração

Categoria: Eventos | Publicado: segunda-feira, maio 9, 2016 as 12:56 | Voltar

O Parque das Nações Indígenas, em Campo Grande, ficou rosa na tarde deste sábado (07/05). Centenas de pessoas abraçaram o treino de corrida e caminhada solidário em favor da professora de natação, Márcia Justi, de 39 anos, que desde janeiro deste ano enfrenta um câncer. A corrente esportiva do bem contou com a colaboração da A4 Sports, Cardoso Sports e apoio do Governo do Estado – por ações da Fundesporte, do Imasul e da Sanesul. O evento reuniu 300 corredores em volta do lago que fizeram os percursos de quase 5 km ou mais de 10 km e outros participantes caminharam pelo parque.

A largada foi dada pela Márcia Justi, emocionou e sensibilizou a todos contra o câncer e à prática da solidariedade. Os participantes ganharam medalhas, receberam água e frutas. E, desta vez, no fim do percurso não havia a premiação no pódio com os mais velozes, os primeiros a finalizar a prova. “Hoje vale o pace (ritmo por km) do coração, aquela que agiu mais rápida pela cura da Márcia. Ela abriu a fila para que outros também participassem”, comentou uma das organizadoras do treino, acadêmica de Educação Física Danny Leite.

Para os incentivadores do evento e amigos da Márcia – corredores do Grupo Kamikaze Running-, todos ali eram vencedores, porque tiveram a atitude nobre de doar dinheiro, tempo e energia pela Márcia. Mas, representando os participantes, a corredora Cleide Paulino, a primeira a se inscrever foi premiada com uma cesta doada pela Empório Bistrô Seja leve & Light. “Eu estou aqui para ajudar, não esperava essa premiação”, disse Cleide.

Mesmo tendo uma vida saudável, Márcia foi surpreendida com o câncer. Isso gerou reflexões. “Essa doença é silenciosa. Além de praticar atividades, temos que sempre estar nos prevenindo. Eu gostei muito de estar hoje aqui”, comentou a funcionária de uma concessionária Jackeline Benites.

Durante o evento, a criançada foi animada pela equipe do Cross Kids e da Fundesporte, que colocou brinquedos à disposição. O treino solidário recebeu ainda auxílio das empresas: Águas Guariroba, Comércio de Bananas,  Loja Dr Shape, Aqua-Ju Academia, Academia Corpo e Saúde, Cross Kids, Gráfica Grafiqx e Cerv Já. A manifestação de solidariedade contagiou a todos. “Eu que agradeço a oportunidade de estar com vocês”, comentou o empresário Paulo Daniel Leite, dono da Dr Shape.

Publicado por:

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.