Ayhan Zanella é ouro no judô

Categoria: Eventos | Publicado: sexta-feira, novembro 11, 2016 as 14:46 | Voltar

João Pessoa (PB)- O campo-grandense Ayhan Zanella do Colégio Dom Bosco é campeão dos Jogos Escolares da Juventude – etapa 15 a 17 anos. O judoca foi o primeiro na categoria -90Kg e acumulou sua quinta medalha nos escolares, na manhã de hoje, no Centro de Convenções de João Pessoa. A medalha de ouro foi a primeira conquistada pelo Estado na competição.

Vice-campeão da categoria -81kg, em 2015, Ayhan subiu de peso e manteve o bom desempenho. “Decidi junto com meu sensei e meus pais que era melhor mudar de categoria porque estava muito sacrificante manter o peso. Até para minha saúde foi melhor. Graças a Deus deu tudo certo”, contou o garoto que desde o ano passado integra a seleção nacional.

Para chegar ao lugar mais alto do pódio, disputou cinco lutas, com um atleta de cada região do país. A estreia foi contra o judoca de Amazonas. Em seguida, o atleta de Mato Grosso do Sul superou o alagoano com uma imobilização. A terceira luta foi um duelo regional contra Mato Grosso. Concentrado, Ayhan dominou o combate. Com agilidade escapou de um golpe e imobilizou o adversário.

A semifinal foi contra o Rio de Janeiro. O judoca sul-mato-grossense derrubou o adversário num golpe que valeu wazari. Em seguida, no trabalho de solo conseguiu estrangular o carioca que bateu e desistiu da luta.

O combate decisivo foi o mais longo do dia. Ayhan tomou a iniciativa da luta, mas o catarinense conseguiu se defender bem. O campeão só foi conhecido a 13 segundos do fim. O judoca campo-grandense derrubou o adversário, foi pontuado com um yuko e garantiu a medalha de ouro.

“Eu estou muito feliz. É sempre muito bom representar meu Estado e meu colégio. Este é meu último ano e saio como tricampeão escolar. Agora é treinar mais para ganhar o Sul-Americano e o mundial”, disse Ayhan que coleciona três medalhas de ouro, uma de prata e uma de bronze nos Jogos Escolares da Juventude.

Judoca desde os cinco anos, o aluno do colégio Dom Bosco encontrou no esporte o meio para se tornar alguém fora de série. A calma e a concentração demonstradas nas lutas foram adquiridas no treinamento. “Eu via os animes na tv e dizia que queria ser como um ninja. Comecei a lutar judô para me acalmar porque disseram que eu era hiperativo e hoje não sei viver sem. Vou continuar treinando para participar dos jogos universitários, de campeonatos mundiais e dos Jogos Olímpicos de 2020 ou 2024”, planeja Ayhan.

Os Jogos Escolares da Juventude – etapa 15 a 17 anos – reúnem os melhores atletas escolares do país para disputas em 13 modalidades. As competições começaram hoje e seguem até o dia 19. Até domingo a briga por medalhas é no atletismo, ciclismo, ginástica rítmica, judô, natação, luta olímpica, tênis de mesa, vôlei de praia e xadrez.

A delegação de Mato Grosso do Sul é comandada pela Fundesporte e conta o apoio do governo do Estado.

Publicado por:

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.