Ex-diretor-presidente da Fundesporte, Marcelo Miranda é empossado secretário de Turismo, Esporte, Cultura e Cidadania

Categoria: Geral | Publicado: domingo, janeiro 1, 2023 as 23:45 | Voltar

Campo Grande (MS) – Em solenidade no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo, em Campo Grande, o governador de Mato Grosso do Sul, Eduardo Riedel, empossou os novos secretários estaduais, neste domingo (1º). Marcelo Ferreira Miranda comandará a Secretaria de Estado de Turismo, Esporte, Cultura e Cidadania (Setescc), que vai abranger a Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte).

De 2015 a abril de 2022, Miranda chefiou a Fundesporte e foi o principal responsável por revolucionar o esporte sul-mato-grossense nas suas mais diversas dimensões, só deixando o cargo para se candidatar a deputado estadual na última eleição. Mestre em Educação Física pela Universidade Estadual de Campinas (Unicampo), conselheiro federal de Educação Física e ex-professor universitário, o secretário agora tem a missão de atuar com a transversalidade de sua pasta, atendendo aos anseios da população.

“A grande meta da Setescc é a integração de políticas públicas, garantindo o combate à discriminação e desigualdades, além de levar os serviços públicos otimizados a todas as comunidades”, enfatizou Marcelo Ferreira Miranda. “O primeiro passo é fazer uma análise junto às subsecretarias e fundações do que foi feito e estabelecer novas metas, pensando sempre na transversalidade, que é uma das principais cobranças do governador”, completou.

A Setescc vai englobar as fundações de Turismo (Fundtur), de Desporto e Lazer (Fundesporte), de Cultura (FCMS) e mais oito subsecretarias de políticas públicas: Mulheres, Promoção da Igualdade Racial, População Indígena, Juventude, LGBT+, Pessoas com Deficiência, Pessoas Idosas e de Assuntos Comunitários. Segundo Eduardo Riedel, os diretores-presidentes das fundações serão nomeados ainda nesta semana. Já os subsecretários, ao longo do mês de janeiro.

Enquanto diretor-presidente da Fundesporte, Miranda liderou uma série de transformações no esporte de Mato Grosso do Sul, colocando o estado como destaque no segmento a nível nacional. Entre as principais ações estão:

- Criação do Bolsa Técnico em 2017, colocando Mato Grosso do Sul como pioneiro na valorização de técnicos e professores. O programa serviu de modelo para a implantação em outros estados, como Minas Gerais;

- Ampliação anual do programa Bolsa Atleta, valorizando os atletas de destaque com auxílio financeiro mensal, para que possam representar o estado em competições nacionais e internacionais, como os paratletas Yeltsin Jacques e Fernando Rufino, medalhistas de ouro na Paralimpíada de Tóquio-2020.

- Reestruturação dos Jogos Escolares da Juventude e das Paralimpíadas Escolares. Os estudantes-atletas passaram a ficar hospedados em hotéis, movimentando toda a rede hoteleira e impactando a economia. Além disso, foi oferecida alimentação de qualidade, acompanhada por nutricionistas, sem contar a promoção de atividades culturais e de interação entre os jovens, ações sociais e ambientais; mudança no formato de disputa, mantendo as equipes em atividade até o último dia de jogos;

- Resgate dos Jogos da Melhor Idade, que não aconteciam há bastante tempo e era reivindicação latente dos Centros de Convivência (CCIs). O evento passou de simples festival, para um formato mais competitivo, abrangente e acolhedor;

- Fortalecimento do esporte escolar com o Programa MS Desporto Escolar (Prodesc), que oferece treinamento esportivo de 22 modalidades nas escolas da rede estadual, no contraturno das aulas. Além disso, é mais um vínculo e oportunidade de trabalho para profissionais de Educação Física;

- A questão infraestrutural do esporte sul-mato-grossense sempre foi uma preocupação. Após dirigir a Fundesporte, ginásios e espaços esportivos foram revitalizados ou criados. Hoje, todos os 79 municípios têm ginásio, sem contar a inauguração de praças para o fomento do esporte de alto rendimento, como o Complexo Poliesportivo e Cultural – Arena Maracaju “Dr. Adersino Valensoela Gomes”. Ademais, idealizou o programa MS Bom de Bola, que oferece uma arena esportiva de basquete 3x3 + futebol society a todas as cidades do estado;

- Apoio maciço a clubes, associações e federações na realização de suas competições no estado e na participação de atletas em eventos nacionais e internacionais;

- Idealização dos espaços para a prática de atividade física no projeto de revitalização dos Parques dos Poderes, como a pista de caminhada, ciclovia e academias ao ar livre;

- Projeção para Mato Grosso do Sul receber eventos esportivos de impacto, para envolver os atletas da nossa terra, inspirar crianças e jovens, e oferecer à população grandes espetáculos. Tudo isso sem contar a movimentação econômica e turística. Entre os principais eventos estão Rally dos Sertões e Copa Truck, Taça Brasil e Copa Mundo do Futsal, Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia, campeonatos nacionais de boxe, canoagem, judô, taekwondo, natação, laço comprido, mountain bike, tênis de mesa, badminton, atletismo, goalball, basquete em cadeira de rodas, ginástica, futevôlei e muitos outros.

Lucas Castro – Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte)

Fotos: Bruno Rezende

Publicado por: Lucas Castro

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.