Fundesporte entrega hoje kits da Corrida MS Contra a Corrupção

Categoria: Geral | Publicado: sexta-feira, dezembro 9, 2016 as 13:15 | Voltar

Campo Grande (MS) - Domingo é o dia de Mato Grosso do Sul dizer, por meio da prática esportiva, que não tolera corrupção. Duas mil pessoas são esperadas, em frente à entrada do Museu Dom Bosco, no Parque das Nações Indígenas, para a “1ª Corrida MS Contra a Corrupção”. O objetivo é chamar a atenção das pessoas sobre a necessidade de maior participação do povo no controle das ações de governantes, parlamentares e gestores. A mobilização, porém, começa hoje com a entrega dos kits. Das 15 às 20h, os inscritos podem pegar seus kits com a equipe da Fundesporte, no stand da Fundação, na Expo Fitness, no Pavilhão Albano Franco.

A ação inclui corrida pedestre e caminhada. Para os corredores, o percurso é de 7km. Começa em frente ao Parque das Nações Indigenas, na entrada do Museu Dom Bosco, e segue em direção e pelas ruas do Parque dos Poderes. A caminhada é de 5km e tem percurso semelhante.

As inscrições começaram no dia 28 e se esgotaram para a corrida, em poucas horas. Na caminhada, as mil vagas também foram preenchidas, antes do término do prazo, dia 5/12. O resultado é a arrecadação de 4t de alimentos não-perecíveis que serão doados. “Tivemos uma grande mobilização em torno da corrida e da caminhada. As pessoas aderiram rapidamente. Traçamos um bom percurso e esperamos ter uma excelente manhã de domingo, com esporte, lazer e reflexão sobre a realidade do país”, disse o gerente de Lazer e Esporte de Participação da Fundesporte e diretor técnico da prova, Rodrigo Miranda.

São parceiros na realização da “1ª Corrida MS Contra a Corrupção”: Rede de Controle da Gestão Pública, Auditoria-Geral de MS, Ministério Público de MS, CGU, Fundesporte e Governo do Estado de Mato Grosso do Sul.

“Esperamos a participação maciça do sul- mato-grossense nesse evento. Queremos nos reunir para mostrar que não aceitamos e combatemos todo tipo de corrupção, que estamos atentos, fiscalizando e trabalhando pautados pela ética. O esporte tem importante papel na cidadania, tem poder mobilizador e é isso que objetivamos, ajudar a mobilizar o povo”, disse o diretor-presidente da Fundesporte, Marcelo Miranda.

 

Aline Morais

Publicado por:

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.