Governo de MS apresenta programa para expandir práticas esportivas em aldeias indígenas

Categoria: Geral | Publicado: terça-feira, fevereiro 22, 2022 as 14:44 | Voltar

Campo Grande (MS) – Representantes de comunidades indígenas de Mato Grosso do Sul participaram, nesta terça-feira (22), de consulta pública organizada pela Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte) e pela Secretaria de Estado de Cidadania e Cultura (Secic), com o objetivo de discutir a ampliação de atividades esportivas e de lazer nas aldeias. O evento foi realizado no Museu das Culturas Dom Bosco, no Parque das Nações Indígenas, em Campo Grande.

As propostas apresentadas integram o programa "Povos Indígenas: Esportes, Lazer e Cidadania", que contempla a publicação de um edital de chamamento público para a contratação de profissionais de educação física e agentes de esporte para todas as aldeias do estado, além da distribuição de kits de material desportivo com itens solicitados por cada comunidade.

Marcelo Miranda, diretor-presidente da Fundesporte

O diretor-presidente da Fundesporte, Marcelo Ferreira Miranda, destaca que o programa objetiva aumentar o acesso às práticas esportivas, abrangendo pessoas de todas as idades nas aldeias, de forma organizada e sistematizada. “Nestes sete anos o Governo do Estado sempre teve um olhar muito especial para essa população. Todos os programas da Fundesporte privilegiam e contemplam os povos indígenas, porém precisamos de uma atuação mais específica. Agora, vamos aplicar um programa nas aldeias que use o esporte como um instrumento de transformação social”.

No encontro, os representantes indígenas tiveram a oportunidade de discutir o que foi exposto pelo Governo, além de apresentar críticas, sugestões e novos pontos de vista, de forma que o edital publicado atenda, de fato, aos anseios dos povos originários no segmento esportivo. “É muito importante que o Governo do estado ouça essa parcela da população, uma vez que não faz sentido a realização de um projeto que não a atenda”, declara o secretário de Estado de Cidadania e Cultura, João César Mattogrosso. “Com essa conversa, vamos conseguir entregar um produto final que será adequadamente utilizado pelas comunidades”.

João César Mattogrosso

O encontro reuniu caciques das oito etnias indígenas presentes em Mato Grosso do Sul: Atikum, Guarani Kaiowá, Guarani Ñandeva, Guató, Kadiwéu, Kinikinau, Ofaié e Terena, de 29 municípios. “O estado inteiro está aqui, temos representantes de várias etnias. Essa união foi essencial, fazendo com que fossem apresentados os pontos de todos”, relata a cacique Ana Batista, da aldeia Tereré, em Sidrolândia. “O governador está de parabéns, assim como toda a equipe da Fundesporte e da secretaria”, conclui.

Resgate dos Jogos Indígenas

O resgate dos Jogos Indígenas de Mato Grosso do Sul, proposto pela Fundesporte, também foi aprovado por unanimidade pelos representantes. A competição será realizada ainda neste ano, no segundo semestre. A previsão é que tenha como sede o Parque das Nações Indígenas, na capital, e envolva também apresentações artísticas e culturais.

“Nosso objetivo desde o início da gestão foi fortalecer a prática esportiva dentro das comunidades indígenas. Isso fica claro quando vemos que, das 17 escolas indígenas do estado, 12 fazem parte do Programa MS Desporto Escolar (Prodesc) A partir de 2019, começamos a pensar na organização de competições. Infelizmente, por conta da pandemia de Covid-19, nossos planos foram atrasados, sendo retomados no momento”, pontua o diretor-presidente da Fundesporte, Marcelo Ferreira Miranda.

Participaram também da consulta pública o secretário-adjunto da Secic, Eduardo Romero; os subsecretários de Políticas Públicas, Fernando Souza (População Indígena), Luciana Azambuja e Ian Leal (Juventude). Da Fundesporte, o diretor-executivo Silvio Lobo Filho e a gerente-geral de Planejamento, Fabiane Macedo.

Clara Rockel e Lucas Castro – Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte)

Fotos: Bruno Rezende/Governo MS

Publicado por: Lucas Castro

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.