Incentivo da MSGÁS possibilitou compra de materiais para os Jogos Escolares de MS

Categoria: Jogos Escolares da Juventude de MS, Jogos Escolares da Juventude de MS 2021 | Publicado: segunda-feira, agosto 23, 2021 as 15:05 | Voltar

Campo Grande (MS) - Os Jogos Escolares da Juventude de MS deste ano contam com apoio essencial da Companhia de Gás de Mato Grosso do Sul (MSGÁS), que realizou em 2020 chamada pública de patrocínios para projetos de esporte e cultura do estado. Foram contempladas três entidades, dentre elas a Fundação de Desporto e Lazer do Mato Grosso do Sul (Fundesporte), que neste último final de semana (21 e 22 de agosto), em Campo Grande, realizou a primeira etapa dos Jogos nas modalidades individuais, faixa etária de 12 a 14 anos. O evento teve a participação de aproximadamente 300 atletas de 24 municípios sul-mato-grossenses. 

“É uma grande satisfação poder fomentar cada um desses projetos e, sobretudo, o desporto escolar sul-mato-grossense. Pretendemos trabalhar para que essa torne-se uma prática recorrente em nossas operações, uma vez que o incentivo tem como principal aspiração cumprir o papel social da companhia em devolver à sociedade de Mato Grosso do Sul parte do valor agregado resultante dos negócios", destacou o diretor-presidente da MSGÁS, Rui Pires dos Santos. A Companhia destinou cerca de R$ 200 mil para a realização dos Jogos Escolares.  

Rui Pires compareceu aos locais de competição dos Jogos Escolares (Foto: Ludyney Moura/MSGÁS)

Para o diretor-presidente da Fundesporte, Marcelo Ferreira Miranda, a participação da MSGÁS resulta de uma "visão de gestão moderna". “Um recurso que era para ser pago em imposto e foi recanalizado para incentivar crianças e jovens nessa fase tão importante. O esporte, sem dúvidas, transforma vidas e hoje os Jogos Escolares têm projetado o estado nacionalmente. Somos referência em desporto escolar no Brasil, um trabalho de muita qualidade desde 2015 e, agora, com o apoio da MSGÁS podemos dar uma qualidade ainda maior, dar mais qualidade aos nossos jogos, melhores condições dos treinamentos e assim fazer com que Mato Grosso do Sul se aprimore cada vez mais no desporto escolar que, além de ser a base do esporte, tem uma função social muito grande”, pontua.  

O secretário de Estado de Infraestrutura Eduardo Riedel esteve nos jogos e pontua que Mato Grosso do Sul saiu na frente, mais uma vez. Ele ainda parabenizou a Fundesporte pela qualidade do evento e pela retomada segura do evento esportivo-escolar. "Saímos na frente com a retomada. É impressionante como os alunos estão ávidos para retomar atividades e por fazer seu trabalho. Tudo feito com muita organização, todos os protocolos sendo conduzidos de maneira adequada para prestigiar os campeões de várias cidades do estado".

O professor Miller Samorio, técnico da equipe de Amambai, acredita que os Jogos Escolares são de extrema importância para valorização do esporte e descobertas de promessas no esporte. "Os Jogos revelaram talentos da nossa aldeia. Os jovens da etnia Guarani-Kaiowá se dedicaram e, inclusive, temos um destaque nacional dentre eles, o Yuri Benites. Ele hoje é um dos grandes atletas no lançamento do dardo. Já foi campeão brasileiro sub-20, disputou a etapa sul-americana escolar e foi campeão", conta. 

Na capital, os atletas disputaram oito modalidades: atletismo, badminton, ciclismo, judô, natação, tênis de mesa, vôlei de praia e xadrez. Os Jogos Escolares da Juventude de MS, organizados pelo Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, por intermédio da Fundesporte, ainda serão realizados nos municípios de Dourados, em setembro, e Três Lagoas, no mês de outubro.

Assessoria de imprensa MSGÁS

Foto de destaque: Lucas Castro/Fundesporte

Publicado por: Lucas Castro

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.