Jems Campo Grande: Delegações plantam Bosque dos Atletas

Categoria: Geral | Publicado: segunda-feira, julho 10, 2017 as 20:19 | Voltar

Campo Grande (MS) - Um bosque de ipês colorindo a cidade, no Parque das Nações Indígenas, fazendo sombra e sendo um espaço de lazer, contemplação, contato com a natureza e preservação do meio ambiente. Essa é a ideia que os pequenos atletas dos Jogos Escolares de Mato Grosso do Sul (Jems) fazem do Bosque dos Atletas que eles ajudaram a plantar, na tarde desta segunda-feira.

Delegações de municípios como Água Clara, Alcinópolis, Aral Moreira, Bandeirantes, Cassilândia, Campo Grande, Chapadão do Sul, Corumbá, Costa Rica, Deodápolis, Dourados, Ivinhema, Itaporã, Naviraí, Paranaíba, Pedro Gomes, Rio Verde de Mato Grosso, Ribas do Rio Pardo, Sonora, Novo Horizonte do Sul, Três Lagoas e Vicentina participaram da ação. Fundeco, o mascote da Fundesporte, recebeu as equipes e acompanhou o plantio de perto.

A proposta da Fundesporte foi chamar atenção para a necessidade de preservação do meio ambiente e da educação ambiental. "Queremos mostrar a responsabilidade que cada um tem com o meio ambiente. É uma ação simples, mas com grande importância para a necessidade de se plantar mais árvores", disse o gerente-geral dos Jems, professor Paulo Ricardo Nuñez. "Para as crianças ainda tem de positivo a possibilidade de conhecer e visitar o Parque das Nações que é um grande espaço de conservação ambiental e raro nas cidades", completou o diretor-presidente da Fundesporte professor Marcelo Miranda.

A felicidade em estar no parque e realizar o plantio estava no rosto das crianças que já se preocupam em preservar a natureza. "É muito bom participar dos jogos e dessas atividades. Aqui foi bem legal porque o plantio é muito bom para o meio ambiente",  disse João Gabriel, jogador de handebol da Escola Luciano Silvério do Nascimento, de Água Clara. "Eu achei que ajudou o meio ambiente porque além de dar o ar para gente, vai criando mais árvores e ajudando os pássaros " opinou João Victor, da Escola Arthur de Vasconcelos Dias, de Campo Grande.

 

A ação foi feita em parceria com o Imasul que doou as 50 mudas para a formação do bosque e, como responsável pela administração do Parque das Nações Indígenas, irá zelar para que as árvores cresçam e floresçam. O gestor do local, Odilon Rigo disse que as mudas serão protegidas por estacas para poderem se desenvolver sem risco de predadores. Ele ainda elogiou a iniciativa. "É muita boa essa ação da Fundesporte porque traz crianças para participar. É mais difícil fazer um adulto entender a importância da preservação. Se cada um sair daqui e levar para a casa o que aprendeu e plantar outras árvores, logo teremos um Estado bem arborizado".

Participaram do plantio, além do diretor-presidente da Fundesporte, do diretor-geral dos Jems e do gestor do Parque das Nações, o gerente-geral de Planejamento de Atividades Esportivas (Geplan) da Fundesporte, professor Luiz Antônio Stopa, a diretora-administrativa dos Jems, professora Karina Quaini, chefes de delegação e técnicos dos municípios que estão nos jogos.

Fotos: Mauro Resstel

Fotos: Aline Morais e delegações

Publicado por:

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.