Jems Individuais Campo Grande: Capital domina ginástica rítmica

Categoria: Geral | Publicado: segunda-feira, agosto 14, 2017 as 12:45 | Voltar

 

Campo Grande (MS) – As três melhores ginastas escolares com idade entre 12 e 14 anos na bola e no arco são da Capital. Marcelly Trindade, Mariana de Araújo e Isabelle Carneiro venceram os Jogos Escolares de Mato Grosso do Sul (Jems), no sábado, no ginásio do Instituto Mirim e representam o Estado nos Jogos Escolares da Juventude, em Curitiba, no mês de setembro.

Marcelly foi a campeã nos dois aparelhos e ajudou Campo Grande a ficar com o ouro por equipes. Somou 26,20 pontos e garantiu as medalhas douradas. Resultados superiores ao bronze na corda, ano passado, que fazem a garota sonhar com melhor desempenho no nacional. “A competição foi muito boa. Treinei bastante e consegui vencer. Vou para o nacional de novo. Agora é treinar mais e mais. Espero ganhar o ouro lá também”.

Veterana na etapa nacional, Mariana somou 23,30 pontos, conquistou duas pratas e, assim como a colega, espera ter um bom resultado, em Curitiba. “Eu adoro praticar esse esporte. Eu vou para o nacional todo ano. Vou me esforçar bastante, treinar bastante, para conseguir um lugar na final”, prevê.

Competiram por Rio Verde de Mato Grosso e conquistaram a medalha de prata por equipes: Josinara Lobo, Emilly Lemes, Amanda Ferraz e Natália da Silva. No município, o trabalho com a ginástica rítmica já é feito há vários anos e tem dado frutos. Este ano, o projeto passou a integrar o Programa Escolar de Desenvolvimento Esportivo de Mato Grosso do Sul, coordenado pela Fundesporte.

A mesma iniciativa do Governo do Estado levou aos Jems um novo participante: Itaquiraí. As atletas Gabriela Florence e Maria Luísa Dutra são alunas de escolas estaduais do município e integram o programa. “Participar é maravilhoso porque ajuda a gente a treinar e a aprender. Poder participar dos Jems é uma experiência muito boa”, contou Gabriela. “O programa é muito importante porque traz cultura pro nosso país e isso deve ser levado para Itaquiraí também porque lá falta esse tipo de coisa. As meninas têm sonho de brilhar e isso tem que ser mostrado pro mundo”, completou Maria Luísa.

As garotas são treinadas pela professora Elizangela Rodrigues Ferro que trabalha com ginástica rítmica há quatro anos e com o programa pôde aumentar o número de aulas e de alunas. “Para nós estar aqui nos Jems é uma mistura de sentimentos, ansiedade e alegria porque treinamos muito para participar. As mudanças que a Fundesporte fez foram fundamentais para quem dá iniciação. O número de meninas querendo praticar está aumentando. Estou com três turmas, atendo 60 alunos. A procura tem sido maior desde que as pessoas souberam que as meninas vinham competir em Campo Grande e temos certeza de que vai crescer ainda mais”, contou.

Os Jems são promovidos pelo Governo do Estado, por meio da Fundesporte, e são seletiva para a etapa nacional, os Jogos Escolares da Juventude – etapa 12 a 14 anos.

Publicado por:

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.