Sul-mato-grossense fatura o ouro em competição internacional de jiu-jitsu

Categoria: Campeonatos | Publicado: quinta-feira, fevereiro 18, 2021 as 09:20 | Voltar

Campo Grande (MS) – O sul-mato-grossense Pedro Henrique Moura Ávila está acostumado a frequentar o lugar mais alto do pódio em competições de jiu-jitsu. No último domingo, 14 de fevereiro, não foi diferente. O lutador de 19 anos, beneficiário do Bolsa Atleta, programa do Governo do Estado e administrado pela Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte), faturou o ouro na Brazil National Pro. A competição foi organizada em Curitiba (PR) pela franquia internacional Abu Dhabi Jiu Jitsu Pro (AJP).

A medalha dourada foi conquistada na categoria até 69 quilos (peso-pena) adulto, estilo gi (com quimono), com a faixa-azul. Na trajetória, Pedro Ávila enfrentou adversários de São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Santa Catarina e Espírito Santo, numa classe que reuniu 22 competidores. O atleta de Mato Grosso do Sul representou o Projeto Social Lutando pelo Bem (PSLPB) Cícero Costha, de Campo Grande.

Em fevereiro do ano passado, Pedro já havia disputado um torneio internacional da AJP, em Toronto, no Canadá, seu primeiro evento na classe adulto. Na ocasião, o primeiro lugar foi alcançado após três triunfos por finalização. “Esses resultados são excelentes para minha carreira. Não só pelo alto nível da competição, mas por ser de uma confederação internacional. Quando luto esses campeonatos estou sendo visto pelo mundo inteiro, o que é importantíssimo para um competidor”, destaca o atleta.

Pelo segundo ano consecutivo Pedro destacou-se na AJP Tour.

“Gostaria muito de agradecer a torcida dos meus amigos, familiares e colegas, e o pessoal que foi lutar também e deu tudo de si para representar Mato Grosso do Sul. Independente de vitória ou derrota todos deram o melhor no campeonato, e isso é o que importa”, complementa Pedro.

Apoio crucial

Contemplado pelo programa Bolsa Atleta atualmente, Pedro classifica o benefício como essencial para a manutenção do alto nível técnico. “É de suma importância, porque me auxilia com os gastos da competição e também é um grande incentivo para continuar trabalhando duro para obter mais resultados para o Estado”.

Neste ano, com a nova lei, o programa estadual conta com acréscimo no número de categorias e valores. Ao todo, 235 atletas e 30 técnicos receberão o benefício, recurso mensal de R$ 227.750,00. As inscrições para o novo processo seletivo estão abertas desde o dia 12 de fevereiro e seguem até 12 de março. “É um apoio financeiro que vem sendo essencial para as minhas competições durante todo esse período, e sem dúvida vou fazer meu cadastro para renovar esse ano”, finaliza Pedro.

Serviço

Para mais informações e esclarecimento de dúvidas a respeito do processo seletivo do Bolsa Atleta e Técnico 2021, entre em contato pelo telefone (67) 3323-7225 ou adicione este número e mande uma mensagem pelo WhatsApp. Nesta quinta-feira (18.02), às 16 horas, a Fundesporte realizará uma transmissão ao vivo (live), na página oficial do Governo do Estado no Facebook, para sanar dúvidas da comunidade esportiva sobre o programa.

Lucas Castro – Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte)

Fotos: Divulgação

Publicado por: Lucas Castro

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.